Acontece na Ação
Ação Educativa foi palco de hip hop e literatura periférica na Virada Cultural deste ano PDF Imprimir E-mail
Ter, 16 de Maio de 2006 21:00

A Ação Educativa foi um dos pontos de cultura na Virada Cultural deste ano, uma maratona cultural de 24 horas espalhada por todas as regiões de São Paulo. Shows, peças, saraus e espetáculos tomaram a cidade nos dias 20 e 21 de maio, com o objetivo de estimular o paulistano a se apropriar dos espaços públicos e prestigiar a cultura.

O Centro de Juventude e Educação Continuada ficou aberto, das 11h30 do sábado até às 3hs do domingo, para um encontro de escritores da chamada Literatura Periférica. Entre um verso e outro, DJs comandaram as pick ups, enquanto artistas faziam performances de graffiti.

Participaram o escritor Rogério Nogueira, o DJ Erry G, os grafiteiros Maomex e Thiago e o Grupo Luta de Estilo. Antônio Eleilson Leite, coordenador do Centro de Juventude, relata que o movimento hip hop foi o mais presente no evento. Um dos graffitis produzidos durante a virada ganhou está exposto no mural externo da Ação Educativa.

Última atualização em Seg, 13 de Agosto de 2007 15:09
 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar