Ação na Escola
Educação de Bebedouro deve construir Plano de Gestão com base no Indique PDF Imprimir E-mail
Qui, 30 de Junho de 2011 10:50
 Após ter realizado as avaliações propostas pelos Indicadores em todas as escolas do município, o Departamento Municipal de Educação de Bebedouro (DEMEC) caminha agora para a construção de um Plano de Gestão da Educação.


A proposta da equipe do DEMEC é refletir e reformular o Plano de Gestão da Educação no município de Bebedouro a partir das avaliações participativas dos Indicadores da Qualidade na Educação realizadas pelas escolas de educação infantil e ensino fundamental em novembro do ano passado.  Desde o inicio do ano a equipe pedagógica do Departamento vem discutindo os resultados das avaliações e os planos de ação com cada unidade educacional.

Numa primeira etapa os planos foram discutidos pelos Conselhos Escolares e Associações de Pais e Mestres (APM). “Agora estamos discutindo em cima de cada plano. Àqueles que não tiverem alterações e permaneceram os mesmos serão rediscutidos com toda a comunidade escolar”, explica Roselaine Xavier Galo, vice-diretora do DEMEC de Bebedouro.

A vice-diretora informou que todas as unidades estão sendo visitadas para coleta de algumas informações in loco, “uma vez que percebemos que nem tudo que foi posto no papel nas autoavalições corresponde à realidade”. Além disso, “estamos visitando cada unidade para ver o que eles já implementaram e o que ainda é necessário desenvolver e, ver como o Departamento pode estar apoiando a proposta de ação que eles apresentaram”, diz.

O DEMEC e a Ação Educativa devem assinar a renovação do contrato para a continuidade do projeto que fora iniciado em 2010. O objetivo agora é assessorar a equipe do Departamento a reformular, a partir dos resultados das autoavaliações e dos planos de ações das unidades, o Plano de Gestão da Educação do município. “O Indique está mostrando para a gente o que está dando certo e o que está dando errado e, a partir disso, teremos elementos para construir um plano de ação”, esclarece Roselaine.

Segundo a vice-diretora, o Projeto Indicadores foi importante porque permitiu fazer uma “fotografia das escolas”, tanto as de Educação Infantil I e II, quanto as do Ensino Fundamental I e II. A partir dele, foi possível ter uma visão geral do município, o que possibilitou “propor um melhoramento em conjunto com as escolas e entender quais são as ações que dependem do Departamento e quais são aquelas que podem ser desenvolvidas pelas próprias escolas”, conclui.


Última atualização em Qui, 30 de Junho de 2011 14:37
 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar