Observatório da Educação
Portal Vozes da Educação inaugura espaço para artigos de estudantes de pedagogia; participe! PDF Imprimir E-mail
Por Administrator   
Seg, 25 de Fevereiro de 2013 16:00

O debate na mídia sobre a atuação do professor costuma ser restrito a um pequeno número de pesquisadores e “especialistas” da área de educação. O espaço, limitado para que os profissionais da educação se expressem, é ainda mais distante dos docentes em formação, ou seja, dos alunos e alunas que lidam cotidianamente com a área e que ainda estão se graduando em instituições de ensino superior.

Além da discussão dentro da faculdade sobre os currículos que preparam o professor para entrar em sala de aula, há a mínima abertura para que estes estudantes se posicionem e se expressem sobre o fazer docente fora do mundo acadêmico. Para valorizar as perspectivas destes alunos e enriquecer o debate sobre a educação como um todo, o portal Vozes da Educação lança, nesta quinta-feira (21/02), o Fórum dos Estudantes de Pedagogia.

O espaço agregará discussões sobre os desafios da profissão como, por exemplo, os limites pedagógicos na formação de seus alunos, suas condições de trabalho e o contexto em que eles estão inseridos. Para iniciar o debate, foram publicados cinco artigos de alunos do 1º ano de Pedagogia da Universidade de la Frontera (localizada na cidade de Temuco, no Chile), que integra a Rede Vozes.

Os estudantes enviaram os textos que escreveram a partir da questão “O que é ser professor?”, relatando suas perspectivas sobre quais seriam os limites e a importância dos docentes na construção da sociedade.

Entre outras coisas, o relato dos alunos contribui para que pessoas de outros países tenham uma maior perspectiva da profissão no contexto latino-americano. “Em um país globalizado como o Chile, que pertence a um conjunto de nações ‘em desenvolvimento’, o principal é possuir uma educação que chegue a todos para que, assim, a população seja mais competente e possa avançar nas matérias que permitirão um desenvolvimento integral do país”, relatam no artigo “O que é ser professor?” os alunos Nicolás Cortez, Fabián Rivera e Consuelo Toro.

A discussão proposta pelos diferentes textos dialoga, com exemplos práticos e subjetivos, sobre o valor do docente para o desenvolvimento de seus alunos. “Ser professor não é somente ministrar história, matemática ou inglês. É encher a alma de liberdade e uma liberdade para pensar, criar, surgir, uma liberdade da alma para que os alunos possam crescer como pessoas conscientes”, afirmam as alunas Rocío Rojo Muñoz e Sofía Retamal Sepúlveda por meio do artigo “Ser professor: mais que uma carreira profissional, uma carreira para a alma”.

No artigo “O que significa para nós ser professor ou professora?”, as alunas Luz Álvarez Cárdenas, Adela Fernández Jofré e Laura Poblete Paredes defendem a atuação ampla do docente para além das informações transmitidas em sala de aula. “O professor é o primeiro elo de uma sociedade consciente, o que valoriza e ama sua profissão e aquele que sabe que é um gestor de gerações que podem e têm poder de realizar mudanças para melhorar as condições de vida de muitos”.

Nos cinco artigos, os estudantes chilenos evocaram aspectos como “vocação” e “sacrifício” dos educadores como características necessárias da profissão. E você, concorda com eles?

A partir da publicação dos textos, outros estudantes, professores e interessados no ofício docente podem interagir com comentários. As discussões podem se desdobrar, também, nas comunidades já existentes no site da Rede.

Os alunos interessados em escrever artigos para o Fórum dos Estudantes de Pedagogia podem enviar seus textos para o e-mail Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo. , ou entrar em contato por meio do telefone (55-11) 3151-2333 ramais 170 e 175.

Do portal Vozes da Educação
Qui, 21 de fevereiro de 2013

Leia também:

Jornais paraguaios não contextualizam reivindicações dos docentes

Decreto contra violência nas escolas e protestos de professores rurais são destaques na imprensa boliviana

“Falta articulação política para mudar a condição do professor no Brasil”, diz Bernadete Gatti

97% dos docentes brasileiros possuem computador, aponta pesquisa

Fóruns de educação latino-americanos manifestam solidariedade ao Paraguai

 

Última atualização em Seg, 25 de Fevereiro de 2013 16:08
 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar